Cultivar relações estáveis e duradouras é uma conquista que passa inevitavelmente pela capacidade de dialogar. Quando se trata de um relacionamento a dois, então, nem se fala!

Afinal, discutir o que não está certo na relação é um exercício que ajuda a fortalecê-la e colocá-la novamente nos trilhos em momentos de turbulência.

Mas como ter uma discussão de relacionamento sem transformar o momento em um motivo para brigas e arrependimentos? Confira nossas dicas e descubra como fazer isso de forma construtiva!

1. Certifique-se que as condições sejam as mais adequadas

Discutir a relação em locais públicos ou ocasiões como um churrasco na casa de amigos é uma atitude que todo casal deve evitar.

Por ser algo particular, que diz respeito apenas a você e seu parceiro, tenha em mente que a privacidade é fundamental para se ter uma discussão construtiva. O mesmo pode ser dito sobre o humor dos dois no momento da conversa. Fazer isso com os ânimos exaltados nunca é uma boa ideia.

Por isso, o mais indicado é sempre ter cuidado para que o ambiente, assim como a disposição de vocês para conversar e ouvir um ao outro sejam neutros e ofereçam a privacidade necessária para prevenir qualquer tipo de atrito e constrangimento.

2. Não deixe os motivos para discutir a relação se acumularem

Quando você sentir que algo precisa ser discutido na relação, não arrisque adiar essa conversa, pois a sua insatisfação pode vir à tona quando sua paciência se esgotar. Por menor que sejam as divergências, procure oportunidades para discutir sobre elas com seu parceiro.

Dessa forma, você evita reagir emocionalmente e transformar o que poderia ser resolvido com diálogo em um conflito com troca de acusações, o que dificilmente vai trazer uma solução para o problema.

3. Prepare o terreno para a conversa

Saber como preparar o terreno para uma conversa sobre o relacionamento é importante para garantir que ela seja construtiva. Especialmente no que diz respeito à maneira como você comunica ao seu parceiro que algo está errado entre vocês.

Quando você diz a ele, por exemplo, “precisamos conversar sobre as finanças da casa”, em vez de “temos que falar sobre seus gastos com coisas desnecessárias”, a perspectiva muda completamente. A dica, portanto, é sempre prestar atenção se o que você está dizendo é um ataque à pessoa ou a uma atitude dela.

Deixar claro que sua intenção não é essa e trazer a discussão para uma abordagem menos acusatória é uma atitude que você sempre deve considerar ao conversar sobre a relação.

4. Mostre disposição para aceitar quando você é parte do problema

Em uma relação, você também deve ter disposição para ouvir o seu parceiro quando ele possui os próprios motivos para estar insatisfeito. Por isso, procure ter uma postura menos defensiva e escute quando ele tem algo a dizer, sem deixar sua convicção de que você não é parte do problema falar mais alto.

Lembre-se de que, em um relacionamento a dois, os dois devem estar abertos para ouvir e para trabalharem juntos na solução do problema.

Agora que você já sabe como discutir o relacionamento, que tal compartilhar este artigo nas redes sociais e ajudar os seus amigos a terem DRs mais construtivas?

Download my app